Bashar al-Assad deixa de ser principal ameaça na Síria

Avanços dos extremistas do "Estado Islâmico" enfraquecem regime sírio e tomam do ditador Bashar al-Assad o posto de inimigo número um do Ocidente no Oriente Médio

A Síria está em guerra há mais de três anos. Mais de 190 mil pessoas foram mortas e muitas de suas cidades, vilas e aldeias, destruídas. O combate contra o grupo terrorista “Estado Islâmico” no vizinho Iraque, no entanto, vem ofuscando a violência no país. O grupo, que surgiu no Iraque como uma dissidência da Al Qaeda, ganhou força e destaque no cenário internacional depois de lutar na cidade síria de Ar-Raqqah.

Comemorações da vitória de Bashar Al Assad deixam mortos e feridos

O observatório acusou a milícia pró-governamental shabiha de ser a autora dos disparos

Houve confronto durante a celebração da vitória eleitoral do presidente Bashar Al Assad, pelo menos dez pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas na Síria , informou nesta quinta-feira o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH). Entre as vítimas, cujas mortes foram provocadas por tiros, há um menor, um jogador de futebol e um cinegrafista da televisão Al Itiyah, indicou o OSDH.

Bashar al-Assad amplia domínio no centro da Síria

Bashar al-Assad contempla uma ampla visão de uma Síria recuperada dos rebeldes

Bashar al-Assad contemplou uma ampla visão de uma Síria recuperada dos rebeldes que ameaçavam derrubá-lo. A capital que eles tinham como alvo, agora está repleta de cartazes convidando os sírios a reeleger o presidente. Aliados estrangeiros poderosos têm ajudado Assad a manter ou retomar uma série de cidades, que formam a espinha dorsal norte-sul do país, manter o domínio da costa mediterrânea até o oeste e recuperar o controle da fronteira com o Líbano.

Bashar Al Assad anuncia candidatura nas eleições de junho

O presidente sírio, Bashar Al Assad, no poder desde 2000, anunciou nesta segunda-feira a sua candidatura às eleições

O presidente sírio, Bashar Al Assad, no poder desde 2000, anunciou nesta segunda-feira a sua candidatura às eleições presidenciais de 3 de junho. A informação é do presidente do Parlamento, Mohammad Al Lahham. “Eu, cidadão Bashar Hafez Al Assad, quero apresentar a minha candidatura ao posto de presidente da República síria”, indicou o chefe de Estado em carta lida no Parlamento por Lahham.

Síria marca eleições presidenciais e Bashar Al Assad é favorito

Assad visita reduto cristão retomado de grupos radicais da al-Qaeda, expulsos da região

A Síria planeja realizar eleições presidenciais em 3 de junho, disse o porta-voz do Parlamento nesta segunda-feira, estabelecendo uma data para o pleito que deverá levar ao terceiro mandato do presidente Bashar al-Assad, dias depois de ele ter dito que suas forças estão vencendo a guerra civil no país. Assad enfrenta um conflito que já [...]

Bashar al-Assad faz visita de Páscoa a cidade cristã na Síria

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, visitou neste domingo a antiga cidade cristã de Maaloula

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, visitou neste domingo a antiga cidade cristã de Maaloula que foi recapturada dos rebeldes na semana passada, informou a mídia estatal, uma rara aparição fora do centro de Damasco.

Enquanto lutam entre si, rebeldes na Síria apanham do governo

Soldados regulares bombardeiam um acampamento dos radicais islâmicos, em área ocupada na Síria

A Frente al-Nusra, ramo da Al-Qaeda na Síria, apresentou um ultimato de cinco dias ao grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante, devido ao assassinato de um ativista da Al-Qaeda. Os representantes da Frente al-Nusra exigem recorrer aos juízes religiosos para que estes avaliem o ato cometido pelos militantes do Estado Islâmico do Iraque [...]

Bashar al-Assad afirma que não se curva diante de pressão internacional

O presidente sírio, Bashar al-Assad, disse que seu país não vai se curvar diante da pressão internacional e que vai continuar enfrentando as “gangues armadas” que, segundo ele, vêm gerando violência nas ruas.

Papa pede fim de “espiral da morte”

Com expressão fechada, o papa Francisco fez neste sábado um apelo aos líderes mundiais para impedir o aprofundamento do conflito na Síria, pedindo que retirem a humanidade de uma “espiral de sofrimento e morte”.

Rússia desafia EUA a provarem que governo da Síria usou armas químicas

“Se tem provas, apresente-as ao mundo, senhor (Barack) Obama”. O desafio partiu, neste sábado, do presidente da Rússia, Vladimir Putin, após afirmar que é “um disparate” a denúncia de que o governo sírio tenha usado armas químicas contra seu próprio povo. Ele demandou aos EUA que apresentem as supostas evidências encontradas ao Conselho de Segurança [...]