Prefeitura promove sorteio de casas do Minha Casa, Minha Vida

Por: Daniel Moraes

Foi realizado quinta-feira (19/04) o sorteio de 200 unidades habitacionais do Residencial Santos Dumont, construído em Montes Claros como parte do programa Minha Casa, Minha Vida, do Governo Federal. O Santos Dumont está localizado no bairro Independência e possui no total 241 residências, todas com dois quartos, cozinha, banheiro, sala de estar, área de serviço e quintal. “Foi realizado o sorteio de apenas 200 casas porque a Caixa Econômica Federal, responsável pelos financiamentos dos imóveis, não conseguiu analisar toda a documentação a tempo. Mas já na semana que vem, teremos um outro sorteio, que contemplará as famílias restantes”, explicou o secretário municipal de Desenvolvimento Social de Montes Claros, André Mori.

O secretário informou que todos os presentes ao sorteio, que foi realizado no CAIC do bairro Renascença, já haviam sido cadastrados pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e considerados aptos para o financiamento. “O sorteio é apenas para decidir qual será o endereço ocupado no residencial, já que os lotes têm tamanhos diferentes (variam de 150 a 200 metros quadrados), e o sorteio é a maneira mais democrática de definir qual casa cada família irá receber”, esclareceu.

MUDANÇA DE VIDA – Uma das pessoas que participou do sorteio, promovido pela Prefeitura e pela Caixa Econômica Federal, foi a dona de casa Flávia Mendes Lourenço, de 26 anos. Atualmente, ela, o esposo, uma irmã e cinco filhos (o mais velho com oito anos) moram de aluguel em uma casa de quatro cômodos no bairro Cidade Industrial. “Eu estou muito emocionada de saber que poderei me mudar para a casa própria. Eu pedi muito a Deus para que este dia chegasse. Meu marido é pintor e o meu filho mais novo, de oito meses, teve as pernas amputadas logo que nasceu, devido a uma trombose, o que me impede de trabalhar, já que eu preciso cuidar dele. Assim, sair do aluguel vai transformar minha vida, porque as contas lá em casa têm vindo muito altas”, comemora.

Outra que está ansiosa por se mudar é Eliene Batista dos Santos, de 39 anos. Atualmente, Eliene vive com a pensão que recebe desde o falecimento do marido, ocorrido há dois anos, e mora de favor com os seis filhos (o mais velho com 16 anos) e uma neta, de apenas quatro meses. “Minha vida vai mudar muito. Eu nunca tive casa própria, e nesta casa eu vou poder criar meus filhos, ser independente”, revela.

ENTREGA DAS CHAVES – As casas do Residencial Santos Dumont são destinadas a famílias com renda mensal de até 1.600 reais. Elas serão financiadas pelo período de 10 anos, com prestações mensais equivalentes a 10% da renda familiar, sendo que o valor mínimo da prestação será de 50 reais. O residencial tem cotas reservadas para deficientes físicos (5%), idosos (3%) e moradores de área de risco (50%). A entrega das chaves será realizada no dia 30 deste mês.