Candidata a Miss Universo ‘rouba’ opiniões de jornalista e causa polêmica no Twitter

A candidata da Índia a Miss Universo acabou se envolvendo em uma polêmica no Twitter após postar comentários políticos de um jornalista como se fossem seus. Vasuki Sunkavalli, que se apresenta como “advogada, modelo, Miss Universo Índia, nerd” em seu perfil na rede social, está no Brasil para a final do concurso de beleza.

Entre tuítes sobre sessões de maquiagem, visitas ao jóquei clube e participações em corridas de carro, ela fez comentários como: “Sete anos de Manmohan Singh (premiê da Índia) na política provam uma coisa – um currículo brilhante não é substituto para uma capacidade básica de liderança” ou “Recado para os parlamentares indianos: só repúblicas de bananas perseguem cidadãos comuns por dizerem coisas rudes sobre políticos”.

O colunista do Wall Street Journal Sadanand Dhume percebeu que a miss havia copiado sete dos comentários políticos que ele havia feito em sua própria conta de Twitter, praticamente palavra por palavra, e decidiu sugerir que ela indicasse quem era a fonte das ideias.

Etiquete de rede social

Repetir mensagens de outras pessoas sem indicar o retuíte com o nome do autor é um sério desrespeito à etiqueta da rede social, mas Sunkavalli alegou que era nova no mundo do Twitter e que não sabia qual era o uso correto do retuíte.

“Não foi acidental. Não poderia cortar, copiar E colar acidentalmente, poderia? Só não tinha o conhecimento técnico do retuíte”, respondeu ela a Dhume.

Mais tarde, o jornalista disse no Twitter que todo o episódio era “uma tempestade em copo d’água” e brincou que, apesar de dividir as mesmas opiniões políticas que ele, Sunkavalli certamente fica melhor em traje de banho.

A miss acabou tendo de responder comentários de outros usuários sobre a polêmica. Uma delas, @real_ruchi, ironizou: “Tão triste. Beleza com ‘cérebro’, não é?”, mas a miss foi rápida na resposta: “Não conhecer o funcionamento de um site de rede social não tem nada a ver com seu nível de inteligência. Não fale rápido demais”.

Sunkavalli também admitiu, bem-humorada, que tem que aprender a “roubar” ideias mais sutilmente para não voltar a aparecer nas páginas dos jornais pelo motivo errado.

Vasuki Sunkavalli alegou desconhecer a etiqueta do Twitter. Foto: AFP

A candidata da Índia a Miss Universo acabou se envolvendo em uma polêmica no Twitter após postar comentários políticos de um jornalista como se fossem seus.

Vasuki Sunkavalli, que se apresenta como “advogada, modelo, Miss Universo Índia, nerd” em seu perfil na rede social, está no Brasil para a final do concurso de beleza.

Entre tuítes sobre sessões de maquiagem, visitas ao jóquei clube e participações em corridas de carro, ela fez comentários como: “Sete anos de Manmohan Singh (premiê da Índia) na política provam uma coisa – um currículo brilhante não é substituto para uma capacidade básica de liderança” ou “Recado para os parlamentares indianos: só repúblicas de bananas perseguem cidadãos comuns por dizerem coisas rudes sobre políticos”.

O colunista do Wall Street Journal Sadanand Dhume percebeu que a miss havia copiado sete dos comentários políticos que ele havia feito em sua própria conta de Twitter, praticamente palavra por palavra, e decidiu sugerir que ela indicasse quem era a fonte das ideias.

Etiquete de rede social

Repetir mensagens de outras pessoas sem indicar o retuíte com o nome do autor é um sério desrespeito à etiqueta da rede social, mas Sunkavalli alegou que era nova no mundo do Twitter e que não sabia qual era o uso correto do retuíte.

“Não foi acidental. Não poderia cortar, copiar E colar acidentalmente, poderia? Só não tinha o conhecimento técnico do retuíte”, respondeu ela a Dhume.

Mais tarde, o jornalista disse no Twitter que todo o episódio era “uma tempestade em copo d’água” e brincou que, apesar de dividir as mesmas opiniões políticas que ele, Sunkavalli certamente fica melhor em traje de banho.

A miss acabou tendo de responder comentários de outros usuários sobre a polêmica. Uma delas, @real_ruchi, ironizou: “Tão triste. Beleza com ‘cérebro’, não é?”, mas a miss foi rápida na resposta: “Não conhecer o funcionamento de um site de rede social não tem nada a ver com seu nível de inteligência. Não fale rápido demais”.

Sunkavalli também admitiu, bem-humorada, que tem que aprender a “roubar” ideias mais sutilmente para não voltar a aparecer nas páginas dos jornais pelo motivo errado.